Desenvolvimento Social divulga balanço de atendimentos e monitora ações nos CRAS e CREAS

Em 17/03/2020 às 10h01


A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social monitora e avalia mensalmente as ações, serviços, projetos e programas realizados pelas equipes dos cinco Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) do município. O objetivo é fazer um diagnóstico das políticas públicas para aprimorar o atendimento socioassistencial de famílias e indivíduos cadastrados pelas unidades.
'Os balanços mensais mostram o esforço das equipes para prestar o melhor atendimento possível às pessoas que precisam dos serviços socioassistenciais. Entre eles, ter acesso a um benefício, a oficinas que auxiliem na geração de renda ou a atividades que promovam o bem-estar e melhorem a qualidade de vida dos usuários', avalia o secretário de Desenvolvimento Social, Marcos Jaron.
Nos CRAS Alto, Barroso, Fischer/Posto Itinerante, Meudon e São Pedro são feitos atendimentos como inscrição no cadastro único de programas sociais dos governos municipal, estadual e federal; acompanhamento familiar e também de idosos, pessoas com deficiência e em situação de risco social; oficinas variadas de artes manuais e de atividades esportivas para crianças, jovens e idosos. As atividades são promovidas através do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e do Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF).
De acordo com balanço relativo ao mês de fevereiro, na área de Proteção Social Básica os cinco CRAS incluíram 518 famílias/indivíduos no cadastro único e atualizaram o cadastro de 409 pessoas. Foram inseridas 66 pessoas no PAIF e monitorados 30 idosos, 20 pessoas com deficiência e 37 indivíduos em situação de risco, através do Plano de Acompanhamento Familiar.
O CREAS oferece serviços ligados a Proteção Social Especial, atendendo famílias e indivíduos em situação de risco e que tiveram os seus direitos violados por ocorrência de abandono, maus-tratos, abuso sexual, uso de drogas, entre outros. O público atendido chega por demanda espontânea e também por encaminhamentos realizados pela rede de assistência social do município.
No segmento de Proteção Social Especial de Média Complexidade, em fevereiro o CREAS registrou 433 indivíduos em situação de risco; acompanhou 32 pessoas em situação de rua; inseriu 13 pessoas no serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos e fez o acompanhamento de 47 adolescentes em liberdade assistida e em cumprimento de prestação de serviço comunitário.
Foto: Arquivo

Fonte: ASCOM PMT


Voltar para a listagem de Notícias

[detalhes]

Agenda Cultural

    Eventos Fixos

  • Exposição "Orquídeas e Plantas Ornamentais"Orquidário Aranda
  • Feirinha do AltoPraça Higino da Silveira - Alto
Agenda de Eventos Completa

Hoje é dia de...

  • Dia da Doutrina Espírita
  • Dia da Integração Nacional
  • Dia da Saúde e Nutrição
  • Dia de São Benjamim
Veja Outras Datas Comemorativas
Publicidade

Siga e Compartilhe

Participe conosco nas redes sociais!
Curta, siga-nos e compartilhe com os amigos.

Parceiros

Trilhas RJ